Eu clamo polo 155 bis

O dia 21/10/2017 o tripartido formado polo PP, PSOE e C’s vai ativar o artigo 155 da CE que lhe permite ao Governo de Espanha obrigar a uma comunidade autônoma a cumprir as obrigações que a constituição ou outras leis lhe impõem ou a não atuar de forma que...

A onde te levam, Catalunha!

Os cidadãos de Catalunya estão a experimentar em carne viva o autoritarismo e a cegueira dum governo que primeiro anula a sua legislação própria, amparando-se num Tribunal Constitucional amigo, nomeado polos partidos unionistas PP e PSOE, que dita sentenças ao seu...

A religião e os atentados terroristas

Depois de cada atentado os políticos reiteram uma e outra vez que é um problema de terroristas e não da religião em si, com objeto de evitar uma guerra de religiões e o ódio contra os que a praticam, propósito sem dúvida louvável, ainda que não...

Protestas anti-turismo

Nos nossos dias estão a produzir-se, como novidade, uma série de manifestações em contra do turismo, seguidas duma enfiada de declarações de repulsa dos poderes públicos, e cumpre analisar as suas causas e a sua pertinência.    São...

"En Marea" mareada

Rodeio com aspas o nome deste partido para sublinhar que considero que não é um nome galego autêntico, senão um galego deturpado que comumente se chama castrapo, o qual não é outra cousa que uma mistura de expressões galegas com castelhanas. É uma pena que...

Legalidade do referendo catalão

Em contraposição com os direitos individuais, entendidos como direitos formais, que lograram abrir-se passo com muita mais facilidade, os direitos coletivos topam muita resistência por parte dos Estados que, amparando-se num suposto perigo de instabilidade política, pretendem homogeneizar...

“República e ruptura”

Anova vem de propor como lema para o Dia da Pátria Galega «República e Ruptura», no que se observa que não há nenhuma referência clara direta e parece que tampouco indireta a Galiza nem à Pátria Galega. Todo indica que quando falam de república...

Nação e plurinacionalidade 

A plurinacionalidade vem sendo defendida habitualmente por Podemos e ultimamente também foi assumida polo PSOE, polo menos nominalmente, no seu Congresso de junho de 2017, mas existe uma diferença importante entre as duas propostas. O PSOE fala de aperfeiçoar o reconhecimento do caráter...

Moção de censura contra o governo de Rajoy

A moção de censura promovida por Unidos Podemos contra o governo de Rajoy véu precedida duma forte campanha de descrédito por parte de certos mídia muito influentes, tanto da Galiza como da capital do Estado, que estão muito interessados em que esta formação...

O Estado do mal-estar

O Estado do bem-estar surge à raiz da II Guerra Mundial em que pretendeu lograr um desenvolvimento econômico mais equilibrado, que respeitasse em maior medida as aspirações sociais e morais da sociedade, promovesse o pleno emprego e se estabelecesse uma repartição mais...

Moção de censura

Faz uns dias Pablo Iglesias surpreendeu a todo o mundo com o anúncio duma moção de censura contra o governo de Mariano Rajoy . Esta notícia provocou uma autêntica oleada de declarações, mui majoritariamente contrárias a esta decisão. C’s, sempre...

Uma democracia com sotana e bastão

Observamos que nos nossos dias estão proliferando as denúncias contra os que caricaturam humoristicamente as práticas religiosas católicas, incluso em tempos de subversão efêmera da ordem social e principalmente de crítica dos privilegiados da sociedade. A caça...

A santíssima trindade e a democracia na Igreja

Os que, pola nossas circunstâncias vitais estudamos em Seminário e em universidades católicas, recebemos um ensino desfasado, antiquado, carente do mais mínimo rigor, autoritário e antipedagógico. O ensino lecionava-se em latim e a grande maioria do professorado não...

Verdade e certeza

As noções de verdade e certeza são mui distintas como imos pôr de manifesto. Uma cousa pode ser certa, mas ser falsa e/ou verdadeira e duvidosa e incerta. A certeza é o estado da mente a respeito duma proposição, enquanto que a verdade é a conformidade duma...

Humanismo cristão

Falava faz uns dias com um teólogo dogmático «progre», entendendo por tal uma pessoa que estudou teologia e que se dá ares de progressista que se traduz numas formas e talante que pretendem passar por mais simpáticas, mantendo no fundo e na superfície o mesmo discurso...

Trump: a provocação e o egoísmo exclusivista

O mundo é já pior desde que Donald Trump ganhou as eleições dos EEUU. É pior porque é mais incerto tanto no eido econômico como no eido político e ecológico. EEUU foi o berço do integrismo religioso lá pelo ano 1880 e agora parece que...

As tertúlias da Corte como reality shows

Na década dos noventa começaram a proliferar as tertúlias políticas no Estado espanhol. Estão integradas normalmente por jornalistas e politólogos que debatem entre si sobre o divino e o humano, muitas vezes com uns conhecimentos mui limitados, o que não é...

Liberalismo e democracia

O liberalismo é a ideologia do capitalismo que eclodiu com a Revolução Francesa de 1789 , na que os setores progressistas das sociedade a essa altura, os burgueses e os proletários, logram desbancar a nobreza latifundiária e alcançar o poder político, além do...

Lembranças de Fidel

Grande parte da obra de Fidel desenvolveu-se a partir da juventude da nossa geração, e, por tanto, do nosso despertar ás inquietações sócio-econômicas e políticas e, por conseguinte, o seus sonhos influíram nos nossos e a ninguém nos deixaram...

Nem Halloween nem Holywins, senão Samaim

Halloween provém das palabras All, que significa todo;  Hallows, que significa santo e Eve, que significa noite antes; e, por tanto, alude á festa que se faz o dia anterior á festividade de Todos os Santos, ou seja, a festa que se celebra o 31 de outubro. É uma festividade na que os...

Eleições do 25 S

Quando se comparam os resultados das eleições na Galiza e no País Basco, um não pode por menos de sentir inveja, não sei se sã ou malsã. Por uma parte, um povo, Euskadi, com uns índices econômicos mais favoráveis, pois o PIB da Galiza somente...

Opções de voto para um nacionalista galego

Um nacionalista galego, e considero como tal a alguém que parta da defesa do direito de autodeterminação, ou seja, do direito a decidir o nosso futuro em liberdade e sem intromissões alheias, como qualquer país normal, tem opções mui limitadas de voto, se por...

Assim se destrói uma língua

Os adversários da normalização das línguas minoradas periféricas costumam aduzir como justificação do estado destas línguas que a sua situação de declínio obedece a um processo de evolução natural em que é abandonada...

Governança dum país imaginário

Para governar um país dum modo solvente, efetivo e duradoiro deve haver adequação entre as políticas que se pretende implementar e a realidade do país que se pretende governar. Isto tem ainda maior vigência quando se trata duma governança democrática, duma...

Normativação do galego

A história da normalização do galego é também uma história da repressão sobre o desviante. Aqui os desviantes são sempre os que não comungam com a ideologia do poder imperante em cada momento, poder não só político senão...

Conflito lingüístico

Alá pelos anos 80 do século XX costumava-se afirmar que o problema lingüístico de países como Galiza, Euskadi e Catalunya era um problema de diglossia, ou seja, de desnível entre duas línguas numa determinada coletividade: a língua A, que é a...

Responsáveis da repetição eleitoral

Creio que se pode dizer que o facto de que não se constitui-se um governo na Espanha é um fracasso político em toda regra e sem paliativos de nenhuma classe, e é normal que a cidadania se pergunte qual é a razão de fundo de que isso acontecesse e qual ou quais foram os...

PSOE: alguns fitos duma deriva desilusionadora

As pessoas necessitam ter fé nos seus dirigentes para que o sistema de dominação duns sobre outros seja aceito para comprovar que, além dos falhos normais que sempre se produzem quando há que tomar decisões complexas, não se produzam desviações do poder...

O correto e incorreto politicamente

A cultura do que é correto e incorreto politicamente falando vem determinada pelas elites que ostentaram o poder dominante num determinado espaço de dominação econômico-político, e, por tanto, os que controlam os recursos econômicos comunitários e os que...
x