antonio-costa
Non haberá 'geringonça' 2.0 en Portugal
Negociacións

Non haberá 'geringonça' 2.0 en Portugal

Despois de se reunir durante esta semana cos partidos de esquerda e co ecoloxista PAN, o Partido Socialista portugués resolveu non reeditar os acordos de 2015 e António Costa gobernará en minoría con apoios puntuais.

O PS, já muito perto da maioria absoluta

O PS, já muito perto da maioria absoluta

Quem lhe pode tirar mais proveito ao governo da gerigonça é o Partido Socialista de António Costa. Assim o indicam os últimos inquéritos. A sondagem mais recente, publicada pelo Jornal das Notícias, coloca o PS à beira da maioria absoluta. As eleições legislativas terão lugar o vindouro mês de outubro.
Convenção do Bloco: "Sim, queremos ser governo"

Convenção do Bloco: "Sim, queremos ser governo"

O Bloco de Esquerda patentizou a sua vontade de ser força de governo após as eleições de 2019 numa Convenção Nacional que referendou o liderado de Catarina Martins. A formação esquerdista pôs, porém, condições a uma sua eventual entrada no executivo, entre elas a revogação do Tratado Orçamental da UE que coloca a soberania portuguesa sob o controlo de Bruxelas.

O Bloco quer ser "força de governo", mas com outra relação com o PS

O Bloco quer ser "força de governo", mas com outra relação com o PS

A formação liderada por Catarina Martins realiza esta fim de semana a sua XI Convenção Nacional. Os textos oficiais a debate propõem que um hipotético novo pacto com o PS teria de ser votado em referendo pelas pessoas aderentes ao partido. A moção com mais apoios das delegadas presentes defende também "abrir um processo de alteração dos tratados europeus", condição imprescindível para fazer políticas verdadeiramente de esquerda.

OPINIÓN

Portugal, governo en disputa

A socialdemocracia europea viu en Tsipras, primeiro, e en António Costa, despois, exemplos de governos que podían xerar emprego, mellorar as condicións laborais e os servizos públicos. Esta  postura non era unha tendencia que terminase en ruptura co capitalismo, só...