lula
Lula da Silva retorna à liberdade
Crónica desde O Brasil

Lula da Silva retorna à liberdade

Ao entregar o cargo de presidente a sua sucessora Dilma Rousseff em 1º de janeiro de 2011, Luiz Inácio Lula da Silva concluía dois mandatos consecutivos como líder máximo do Brasil gozando de uma popularidade inédita de 87%. Pouco mais de sete anos depois, em 7 de abril de 2018, era levado à prisão após condenação em segunda instância em um processo extremamente midiatizado e controverso. Aqui uma crônica da jornalista do Brasil Ivony Lessa. Eis un estrato da peza publicada no número 372 do semanario en papel Sermos Galiza.
Lula volta libre ao lugar onde se despediu do pobo
580 días de prisión

Lula volta libre ao lugar onde se despediu do pobo

Após 580 días en prisión, o ex presidente Luiz Inácio Lula da Silva torna este sábado 9 de novembro xa en liberdade ao local do Sindicato dos Metalúrxicos, en São Bernardo do Campo, desde onde se despedira hai un ano e sete meses do pobo nun masivo acto antes de ser encadeado.

 

Primeira vitória de Lula no Supremo brasileiro

Primeira vitória de Lula no Supremo brasileiro

O STF (Supremo Tribunal Federal) decidiu atender o pedido da defesa do ex presidente, contrário à sua transferência da cadeia de Curitibia a um presídio de São Paulo. Lula vai continuar preso na sua cela de 15 metros quadrados enquanto não se resolvam as pesquisas sobre o juiz que o condenou, Sérgio Moro, agora ministro de Justiça do Governo Bolsonaro.
OPINIÓN

Brasil, a opción menos mala

Se cadra o máis preocupante da situación electoral de moitos países sexa que a única opción posíbel para frear o avance da dereita ou da extrema dereita, é o triunfo do reformismo, incapaz de ofrecer un proxecto de distribución do traballo e da riqueza xusto, e que garanta...

Primeira noite de Lula em prisão

Primeira noite de Lula em prisão

Já está em prisão embora não haver sentença firme contra ele e embora não terem sido ainda julgados os recursos apresentados contra o seu ingresso na cadeia pelo PT. O ex presidente do Brasil (2003-2010) afirmou a sua condição de presos político: "Já não sou um ser humano, sou uma ideia".

O PT mantém a candidatura do seu líder: "O povo brasileiro tem o direito de votar em Lula"

O PT mantém a candidatura do seu líder: "O povo brasileiro tem o direito de votar em Lula"

O Partido dos Trabalhadores reagiu à decissão do Tribunal Supremo que abre as portas da cadeia a Lula da Silva, embora este não ter sido condenado por sentença firme. O partido esquerdista julga que o seu líder foi condenado sem provas por um tribunal de segunda instância, uma sentença que foi apelada perante o Tribunal Supremo Federal. Lula, com 35 por cento, encabeça os inquéritos para as presidenciais de Outubro.

Os três juízes confirmam a condena de Lula e elevam a pena a 12 anos de prisão
Fica o recurso ao Supremo

Os três juízes confirmam a condena de Lula e elevam a pena a 12 anos de prisão

3-0. O pior resultado possível no tribunal de segunda instância de Porto Alegre. Os três juízes votaram contra Lula e não só confirmam a condena ditada pelo magistrado Sérgio Moro, senão que elevam a pena de prisão até a situar em 12 anos. A situação na que fica o líder histórico da esquerda brasileira -quem aliás encabeça as sondagens para as eleições presidenciais de outubro- é muito delicada.

O segundo juiz também vota contra Lula

O segundo juiz também vota contra Lula

[ACTUALIZAÇÃO]. Segundo pronunciamento judiciário esta quarta feira no Tribunal de Porto Alegre e, outra volta, contrário a Lula. Isto significa que a sentença de primeira instância fica confirmada. Há um terceiro juiz que ainda se deve pronunciar. Politicamente não é um detalhe menor que o faça a favor de Lula.

Primeiro juiz confirma a sentença por corrupção a Lula

Primeiro juiz confirma a sentença por corrupção a Lula

Três juízes de segunda instância decidem esta quarta feira se confirmam ou não a sentença de condenação ditada há 9 meses contra Lula. A esquerda vê o processo como a segunda parte do golpe de Estado que deitou fora da presidência Dilma Rousseff. 

OPINIÓN

Golpe de estado no Brasil

Onte na Cámara dos Deputados do Brasil produciuse un golpe de estado cando dous terzos dos 513 deputados e deputadas votaron a favor da destitución da presidenta Dilma Rousseff.

Este é o terceiro golpe de estado institucional dado en...